Tamara e Nina

“Nina!
Sempre quis ter um cachorro e aqui em casa a ideia nunca foi muito bem aceita, porém, depois que assumi que seria responsável por absolutamente tudo, minha avó e minha mãe concordaram.
A partir daí, começou a questão que cachorro comprar, depois de uma conversa que tive com a Glau, decidi: quero adotar um cão! Coincidentemente, na época em que decidi adotar, nasceram cinco filhotes de uma das cadelas apoiadas pelo projeto. Falei: pronto! Um deles será meu!
Fui a uma das entregas de ração decidida a trazer uma comigo. Chegando lá, me apaixonei por todos, mas a minha pequena me encantou, ficou o tempo  no meu colo, fez carinho, resolvi levar.
Saimos e fomos para a casa da Andréa onde ela passou uma semana, foi bem cuidada, recebeu todo o carinho e fez amizade com o Theo.
No domingo seguinte, trouxe ela para casa. No instante em que ela chegou, a ideia de ter cachorro passou a ser bem aceita imediatamente, a festa estava feita!
Agora, a festa acontece todos os dias da hora que ela acorda a hora que ela vai dormir, brinca com todos e foi um motivo de união para a minha família, todos hoje ficamos juntos para ficar perto dela.
O que mais me impressiona é o quanto a Nina é capaz de despertar carinho nas pessoas.
Hoje tenho a mais absoluta certeza de que ter cachorro é tudo de bom!”
This entry was posted in Amigos pra cachorro. Bookmark the permalink.