Adotando um afilhado

007a

O Cão Sem Fome valoriza e tem um carinho muito especial pelos padrinhos dos nossos peludos, aqueles que fazendo parte do nosso Projeto através da Campanha de Apadrinhamento.

Quando uma pessoa se torna padrinho ou madrinha, além da contribuição mensal que ela manda para seu afilhado, ela também passa a ter um vínculo afetivo com esse cão. Significa que esse cãozinho tem mais alguém que se preocupa com ele.

Buscamos informar sempre os padrinhos sobre seus afilhados, atualizar fotos na medida do possível e fazer com que sejam cultivados laços de carinho entre os dois.

Nós temos padrinhos e madrinhas muito especiais, que ajudam a reformar o canil dos seus afilhados, mandam remédios, guloseimas, mantinhas e outros mimos.

Ficamos muito felizes com isso porque temos certeza que essas pessoas estão curtindo a relação com seu afilhado, mesmo que à distância.

Essa semana esse vínculo afilhado/madrinha se mostrou ainda mais importante para nós. A Marinês e seu esposo acabam de adotar sua afilhadinha Lisa.

Neste último sábado (25/05/2013), pela manhã, Glaucia, coordenadora do Projeto, e a voluntária Adriana foram buscar a cachorra no Quintal da D Silvia, onde ela morava, para entregá-la a sua nova família. Lisa é uma SRD de 4 anos que, por estar fora dos padrões que a maioria dos adotantes querem, dificilmente teria chances de sair do Quintal. A protetora D Silvia que a acolheu durante esses anos ficou emocionada na despedida e muito feliz por saber que agora Lisa terá uma família só para ela.

005a

11a 015a 020a

Foram os laços entre madrinha e afilhada que tornaram isso possível. Lisa ganhou também um novo irmão canino que lhe fará companhia no seu novo lar.

Obrigada aos adotantes que deram essa chance para a Lisa. Ficamos muito felizes com essa adoção e esperamos que a Lisa possa curtir muito a sua nova família.

Equipe CSF

This entry was posted in D. Silvia and tagged . Bookmark the permalink.